TROVADOR DAS ALTEROSAS

PROSA E VERSO

Textos


INTERAÇÕES 86

01/02/2018 00:19

Saudade é este doce veneno
Que define os sentimentos,
Faz o coração ficar pequeno
Traz incerteza e sofrimento.

Mas se quem deixou saudade
E virou o motivo da poesia,
Volta e trás a felicidade
Saudade dá lugar a alegria.

Para o texto: Saudades (T6241075)
De: Amoravista



02/02/2018 12:38

Poeta cria com amor a poesia
Por isto fica tão bela assim,
Eu a leio saboreando à magia
Como ela fosse feita pra mim.

Para o texto: VERSOS DE AMOR (T6236871)
De: Leti Ribeiro



02/02/2018 16:30

Poetisa tão meiga e amiga
Ela nunca faz nada pequeno,
Não tem medo de intriga
E mostra que tem veneno.

Obrigado menina poetisa
Por esta amizade preciosa,
Quando interage valoriza
Nossos versos ou prosa.

Para o texto: Feitiço dela/Enfeitiçando ele (T6243349)
De: Lilian Vargas



03/02/2018 21:30

Tem razão mas é severo
Tem que ser desinibido,
Namorar no quero quero
Fica bom é no escondido.

Para o texto: DRB 002 (NAMORO) (T6242937)
De: DiltonRB


05/02/2018 13:48

A noite o seu cão latiu,
Não ouviu o seu cão amigo?
Estava perto e ele sentiu
Que eu queria estar contigo.

Para o texto: Meu lamento (T5648211)
De: Helcina Natal



05/02/2018 19:43

Meu mestre venha embora
Pois está fora do curso,
Se aqui temos o caipora
E nem vou fazer discuso,
Exportá-lo mundo afora
Pra fazer o povo gabola
Parar de matar o urso.

Para o texto: BRASILEIRO NO ESTRANGEIRO (T6243470)
De: George Gimenes



06/02/2018 14:25

Dói o corpo padece a alma
Ver o caos da liderança,
Não há um prisma que acalma
Uma triste desesperança.

Para o texto: DRB 005 (CHUVAS DE VERÃO X DESDÉM GOVERNAMENTAL) (T6246704) De: DiltonRB



06/02/2018 18:41

Menina case com o Mirinho
Que é pobre até se danar,
Te trata com amor e carinho
Não corre risco de engordar.

Para o texto: DESAFIO - série (10) EMAGRECER (T6169981)
De: Leila Azevedo



07/02/2018 14:04

Cravo... Eu não sou tanto!
Seu versos é jardineiro com meta
Com habilidade milagrosa...
Pois soube criar o encanto
Pra fazer este pobre poeta
Admirá-la sempre como rosa.

Para o texto: SE... (T6247376)
De: Jeane Diogo





 
Trovador das Alterosas
Enviado por Trovador das Alterosas em 10/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras