TROVADOR DAS ALTEROSAS

PROSA E VERSO

Textos


A COR DA SAUDADE

IMAGEM FEITA NO COREL POR TROVADOR DAS ALTEROSAS.

REEDIÇÃO. ESCRITA EM 2007.



Que cor para a saudade eu poderia encontrar?
Vendo um navio na hora triste de sua partida,
a saudade tomaria a mesma cor verde do mar.
Pois olhar entre as lágrimas de uma despedida
vendo sumir no horizonte uma imagem querida,
é a cor que reteríamos, para nos fazer lembrar.

E enquanto no tempo ficasse a dor desta espera
toldar-se ia o olhar, com sombria cor do inverno,
o tempo indo... Mudaria, para a cor da quimera,
despertando com as cores do sentimento fraterno
no piscar de uma estrela que tem o matiz eterno,
pintaria a saudade, com as cores da primavera.

No momento da volta, que cor a saudade teria?
Ouvindo-se o trinar de pássaros, no céu a bailar...
Opera-se a transformação como se fosse magia.
A saudade tomaria as cores de um sol a brilhar,
à noite, ficaria com a cor prata dos raios de luar
e desapareceria a saudade, numa cor de alegria.

Trovador
Trovador das Alterosas
Enviado por Trovador das Alterosas em 31/07/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras